Homem detido em Aguiar da Beira por violência doméstica

O Comando Territorial da Guarda, através do Núcleo de Investigação e de Apoio a Vítimas Específicas (NIAVE), deteve ontem, dia 26 de fevereiro, um homem com 58 anos por violência doméstica, no concelho de Aguiar da Beira. Vai aguardar o desenrolar do processo em prisão domiciliária.

Segundo nota da GNR, “no âmbito de um processo de violência doméstica, que decorria há dois dias, em que o suspeito agredia física e psicologicamente a sua esposa, de 65 anos, os militares deram cumprimento a um mandado de detenção e realizaram três buscas, das quais uma busca domiciliária, uma num armazém agrícola e uma busca em viatura, tendo resultado na apreensão do seguinte material:

  • Sete facas de fabrico artesanal;
  • Cinco virotões;
  • Quatro miras telescópicas;
  • Quatro punhais;
  • Três facas de arremesso;
  • Duas armas de ar comprimido;
  • Um arco;
  • Uma faca de abertura automática;
  • 12 detonadores pirotécnicos;
  • 2,5 quilos de pólvora negra;
  • Um frasco com cerca de 600 gramas de pólvora de caça grafitada;
  • Duas velas de gelamonite;
  • 23 metros de cordão detonante;
  • Seis metros de cordão lento.

O homem detido na terça-feira ficou nas instalações da GNR e foi presente a primeiro interrogatório judicial no Tribunal Judicial da Comarca de Trancoso nesta quarta-feira, 27 de fevereiro, onde lhe foi decretada prisão domiciliária.

Notícia atualizada às 18h46.

0 respostas

Deixe uma resposta

Quer juntar-se à discussão?
Sinta-se à vontade para contribuir!

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *