Carapito

Regresso do teatro a Carapito teve casa cheia

Atores da peça, O Sapateiro Pobre (foto Mais Aguiar da Beira).

Depois de um ano de paragem em 2015, o Grupo de Teatro de Carapito voltou ao palco no final do ano passado. Com o ano mesmo a terminar, o salão do Clube encheu-se para ver os atores amadores, que desenrolaram a noite em quatro peças.

Quem começou foram os Foralitos, primeiro com declamações, depois com uma peça própria, a conhecida história da Carochinha. Seguiu-se a comédia, “A Que Horas Passará o Autocarro?”, onde, na paragem, Celestina e Graça iam desesperando com a espera e com o cheiro, que por vezes se levantava, para pouco depois tornar a cair. Numa história com mais algum grau de moralidade, contou-se como 10 anõezinhos podiam fazer a diferença na vida de uma dona de casa, que, sem se aperceber, melhorou consideravelmente. A noite só terminou com as dúvidas de um sapateiro e sua família, que, perante a possibilidade de mudar de vida, preferiu a alegria de poder continuar a tocar com a sua guitarra, ainda que de barriga vazia.

As performances foram as de sempre, aplaudidas por todos, incentivadas e apreciadas. Em Carapito, o teatro já faz parte do dia a dia, as histórias, essas vão continuar.

Aqui fica um pequeno resumo daquilo que foi a noite de teatro.

 

Aqui pode ser visto o vídeo completo.

Leave a Reply

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *