Fuga das Freiras regressa a Aguiar da Beira neste sábado com ‘Joana, A Pastora’

O Largo dos Monumentos de Aguiar da Beira vai receber este sábado, 24, uma nova edição de “A Fuga das Freiras”, desta vez com a história de Joana, a Pastora.

Em 2015, o Trigo Limpo Teatro ACERT foi desafiado pelo Município de Aguiar da Beira a criar, juntamente com o grupo de teatro Grup’Arte, um espetáculo de teatro comunitário, com base no facto histórico que terá estado na origem da devoção em torno da Ermida de Nossa Senhora da Lapa. Esta produção teatral ‘A Fuga das Freiras’ transformou-se numa das marcas culturais de Aguiar da Beira“, referiu o Município em comunicado.

O espectáculo teatral comunitário deste ano irá focar-se na vida da pastora Joana, a menina que descobriu, numa ermida, a imagem da Senhora da Lapa.

O Espectáculo Teatral Comunitário do Grupo Trigo Limpo Teatro ACERT contará com a participação do Grup’Arte e figurantes aguiarenses.

O evento terá início às 21h30, é aberto a toda a população e tem entrada gratuita.

Sobre Joana, a Pastora

Joana é uma menina, quase uma adolescente, que gasta os dias a pastorear as suas ovelhas. Não vai à escola e por isso não saberá ler. Pouco se relaciona com as crianças da sua idade ou com qualquer outro adulto da sua aldeia, mas tem uma sabedoria simples e inata. Talvez se deva ao contacto estreito que mantém com a natureza e com os animais, ou à sua capacidade de sonhar através das histórias que, noite após noite, a avó insiste em contar. Um dia, estando no monte a pastorear as suas ovelhas, encontrou aquela que seria a sua primeira boneca. Distraiu-se em brincadeiras com esta nova amiga, o que a fez perder quase todo o rebanho. Poderá esta amizade mudar a vida de Joana?

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.