Mundo,  Notícias,  País

Entrada de portugueses na Suíça decresce pelo sétimo ano consecutivo

Lucerne, Suíça. Image by Werner Sidler from Pixabay

De acordo com os dados publicados pelo Office Fédéral de la Statistique, em 2020 entraram na Suíça 7.542 portugueses com residência permanente. Este foi o sétimo ano consecutivo em que a emigração de portugueses para a Suíça diminuiu, depois de, em 2013, ter atingido o valor máximo desde 1991.

Os dados recentemente divulgados mostram ainda que em 1991 — o primeiro ano reportado no relatório — foi quando entraram mais portugueses na Suíça, 20.176, número que decresceu depois consecutivamente até 2000, altura em que entraram no país helvético 4.311 portugueses. Entre 2001 e 2013 a tendência foi crescente. O maior aumento em relação ao ano anterior verificou-se de 2001 para 2002 (+107%).

Enquanto que em 1991 os portugueses representaram 15% do total das entradas de migrantes na Suíça, em 2020 representavam apenas 5,5%. A grande maioria dos emigrantes, em todos os anos desde 1991, pertence à faixa dos 20 aos 39 anos. A partir de 2002 passou também a haver uma percentagem significativa de emigrantes da faixa dos 40 aos 64 anos.

Entre 1991 e 2020 entraram na Suíça cerca de 350 mil emigrantes Portugueses com residência permanente de um total de mais de 3,6 milhões.

Leave a Reply

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *